background image

Nossa Missão

Jamie Beaton, CEO da Crimson Education

Jamie 1 Copy

Uma palavra de nosso fundador e CEO, Jamie Beaton

Quando eu era garoto de 14 anos, olhando para o grande e vasto mundo de oportunidades oferecidas nos Estados Unidos e para as universidades renomadas em que aspirava ser aceito, como Harvard, não pude deixar de me perguntar: como eu poderia chegar lá? Como um garoto da Nova Zelândia, que tinha o mesmo sonho de milhões de estudantes de ensino médio americanos e internacionais, poderia competir com os alunos mais inteligentes do mundo?

Como estudante em Auckland, eu não tinha acesso a um mentor de candidatura para universidades estrangeiras, que poderia me fornecer orientações sobre como eu poderia lidar com estes processos. Meu orientador de universidades foi ótimo, mas apenas conseguiu ajudar a mim e aos meus amigos com os processos seletivos para universidades locais.

No dia em que me candidatei para Harvard, eu não tinha ideia do que aconteceria. De fato, o motivo para eu ter me candidatado para as 25 melhores universidades do mundo foi simplesmente um ato inocente de aumentar as minhas chances.

Eu trabalhei muito duro durante todo o meu Ensino Médio - e me engajei com atividades extracurriculares que tinham significado para mim - criando clubes de todos os meus interesses, de jornalismo à direito humanos. Eu realizei seis SAT Subject Tests porque não estava certo de que apenas dois seriam suficientes, e fiz dez A-levels por não estar seguro em fazer três.

Quando eu recebi as cartas de aceitação, confirmando que eu havia sido aprovado em cada uma das 25 universidades para as quais havia me candidatado, incluindo Harvard, Yale, Princeton, Stanford, Columbia, Cambridge, Wharton (UPenn), Duke, entre outras, eu fiquei em estado de choque de felicidade! Contudo, eu também fiquei impressionado em descobrir que as oportunidades que eu havia conquistado não estavam disponíveis para uma comunidade maior de estudantes. Eu queria que meus colegas tivessem as mesmas opções que de repente estavam disponíveis para mim.

Eu fundei a Crimson Education em 2013 com a visão de equalizar o mundo das admissões para universidades renomadas, inicialmente em microescala, e agora em 2020, em um nível em que nós reunimos milhões de dados sobre processos de candidaturas internacionais, inteligência artificial e milhares de mentores especialistas de Harvard, Stanford, Oxford, Cambridge e outras universidades renomadas, com incrível suporte de meu time internacional.

Tendo realizado a minha graduação em Harvard, dois mestrados em Stanford e agora realizando um doutorado em Oxford como um Rhodes Scholar, eu posso dizer que essas instituições realmente possuem o poder de transformar a vida de um indivíduo e suas famílias por gerações que virão. Meu avô John Beaton teve de recusar uma bola de estudos para uma renomada escola britânica de Ensino Médio porque ele não podia arcar com as despesas do uniforme escolar, e acabou trabalhando durante mais de 50 anos em um trabalho altamente manual.

A Crimson é a plataforma de lançamento que equipa jovens estudantes de todo o mundo para lutar e competir no cenário mundial. Nossa tecnologia elimina as barreiras geográficas e de legado e faz com que nossos alunos - sendo muitos de primeira geração - alcancem seu maior potencial graças à dedicação e experiência de seus times Crimson personalizados.

Entramos em mercados como os dos EUA, do Reino Unido e do Brasil, onde as consultorias de admissão para universidades estrangeiras são abundantes, e mudamos a dinâmica oferecendo mais do que o "óbvio" ao associar psicometricamente os alunos a mentores e tutores, facilitando a didática de aprendizado. Oferecemos ajuda financeira interna e bolsas de estudo para comunidades carentes e nos dedicamos a ajudar nossos alunos além de seu processo de admissão, auxiliando-os a conseguir estágios e oportunidades de carreira.

O mercado de consultoria para universidades estrangeiras teve seus detratores nos últimos tempos e, embora grande parte seja completamente justificada, grande parte não é. Na Crimson, acreditamos que ninguém tem vaga assegurada em uma universidade de ponta e que essas oportunidades devem chegar àqueles estudantes que trabalharam mais, mais espertos e com mais entusiasmo para realizar todo o seu potencial. Acreditamos no protagonismo de nossos alunos.

Estamos incrivelmente orgulhosos de nossos alunos e dos 3000 colaboradores que os apoiam, e convidamos você ou seu filho a se juntar a nós e ocupar sua posição individual no cenário internacional.

Jamie Beaton

Cofundador e CEO

Crimson Education

background image

Comece sua jornada com a Crimson!

Clique no botão abaixo para falar com um de nossos especialistas.